Fonte de corrente constante regulável

 

O princípio de funcionamento desta fonte é descrito aqui.

 

Apesar de existirem muitas maneiras de se fazer uma fonte de corrente usando o LM317, eu preferi a mais simples: usando um resistor variável em sua saída. Os potenciômetros usuais não suportariam bem uma corrente de 300 ou 400 miliamperes, mas eu tive a sorte de encontrar alguns potenciômetros 'de fio' na minha sucata, resolvendo o problema. Este tipo de potenciômetro possui uma espiral de fio de Nicromo ao invés da trilha de carbono dos potenciômetros comuns, e é capaz de dissipar muito mais potência.

Este é o esquema do circuito. O potenciômetro de fio é de 47 ohms, o que permite variar a corrente  entre 30 e cerca de 450mA.

 

A tensão contínua na entrada é fornecida por uma fonte do tipo ligado diretamente na tomada. A caixa indica 12V, mas a tensão medida é de 17 volts, fornecendo 500mA sem problemas.

O LM317 foi montado em um dissipador, pois pode aquecer bastante quando fornece a corrente máxima. A técnica de montagem é uma mistura de montagem aranha e em ponte de terminais.

 

O medidor de corrente é simplesmente o galvanômtro de um multímetro chinês barato. Ele é ligado diretamente às extremidades de um resistor de 0,33 ohms colocado na saída do circuito. Este valor causa uma deflexão máxima no ponteiro em cerca de 400mA, apesar do circuito ser capaz de fornecer um pouco mais. A escala foi feita com papel e caneta, usando um multímetro de qualidade como referência.

 

 

Made with Namu6
 

www.rfp.org.uk

{ Links }

{ Programas }